CONSPIRAÇÕES

Contestação, Qualidade de Vida e Atitude na WEB

  • Coloque seu e-mail para receber novidades e notificações do Blog.

    Junte-se a 1.116 outros seguidores

  • Siga-me no / Follow me on Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Posts Tagged ‘pré-sal’

Onze razões para NÃO privatizar a Petrobras

Posted by Fabricio Pessoa em 20 julho, 2016

Por conta dos escândalos de corrupção envolvendo a Petrobras em função da Operação Lava Jato, muitas pessoas têm se manifestado a favor da privatização desta Companhia. O problema é que a maioria dos argumentos favoráveis a esta privatização se mostra imprecisa ou impertinente, principalmente se considerarmos a importância estratégica do petróleo. Vejamos:

    1. A gestão do petróleo é considerada estratégica para todos os países do mundo: se olharmos a história recente do mundo à luz do controle das reservas de petróleo, veremos que os países vencedores das grandes guerras e que são protagonistas do poderio econômico global sempre foram aqueles que possuíam gestão das principais reservas petrolíferas, direta ou indiretamente. Abrir mão deste controle do petróleo, portanto, é uma atitude comprovadamente arriscada em termos de política econômica;
    2. Os principais produtores de petróleo são empresas que pertencem ao poder público: das doze maiores empresas de petróleo do mundo (e a Petrobras hoje não está entre elas), OITO são de controle direto de países, o que prova a importância estratégica do petróleo na matriz econômica global;
    3. As empresas petrolíferas “privadas” possuem uma preocupação estrita com a busca de lucros…: As empresas de petróleo controladas pela iniciativa privada, obviamente, visam o lucro. Ocorre que o grau de preocupação estrita com o caráter econômico atinge níveis tão grandes (ou seja, em detrimento de outros fatores que compõem o negócio) que estas empresas frequentemente causam problemas de ordem social ou ambiental;
    4.  …que inclusive ocasionaram os maiores desastres ambientais da histórica da humanidade: em decorrência da redução de custos e maximização do lucro, as operações das petrolíferas privadas diversas vezes se mostraram negligentes com procedimentos de segurança, o que causou os maiores acidentes ambientais deste setor em toda a história. Só pra lembrar: Golfo do México (BP), Portsall (Amoco), Deepwater Horizon (BP) e Exxon Valdez (Exxon) foram todos causados por empresas privadas. Imagine se a Petrobras fosse privatizada e um acidente destas proporções ocorresse nas praias brasileiras? (Aproveitando, deixo mais uma pergunta: se a VALE não tivesse sido privatizada, será que a tragédia ambiental de Mariana teria ocorrido?)
    5. Privatizar a Petrobras não vai acabar com a corrupção: Esse é um dos maiores engodos dos pró-privatização. O problema da corrupção não está na Petrobras. Está nos valores políticos que influenciam a companhia, o que no fim das contas cai nos eleitores que os elegeram. Privatizar a Petrobras só vai mudar a corrupção de lugar.
    6. Mais importante que privatizar a Petrobras é mantê-la a salvo de quem quer depreciá-la: Políticos corruptos, maus gestores, abutres especulativos… muitas são as espécies que querem apenas lucrar em cima da Petrobras e de seus excelentes trabalhadores. Além de aplicar com eficiência as regras já existentes para coibir as ações destas pessoas, novas regras precisam ser estipuladas para garantir uma melhor gestão da Companhia;
    7. A Petrobras traz divisas para o país: se considerarmos os seis anos anteriores ao do início da Lava Jato (2014), veremos que a Petrobras teve um lucro líquido somado de mais de R$ 174 BILHÕES DE REAIS!!! Você acha mesmo interessante que este dinheiro fique totalmente com a iniciativa privada (ou melhor, com a camada mais rica da população que teria condições de comprá-la)?
    8. Os futuros desinvestimentos da Petrobras irão torná-la mais ágil e permitirão a retomada de sua rota lucrativa: em breve a Petrobras será desobrigada de participar de todos os investimentos do pré-sal, o que aliviará seu fluxo de caixa, estimulará a produção de petróleo pela iniciativa privada (tenho minhas dúvidas se isso de fato ocorrerá, mas enfim esta é uma possibilidade) e permitirá a criação de novos empregos;
    9. Os custos de produção da Petrobras seguem bem abaixo dos custos médios mundo afora: O Editorial Econômico do Estado de São Paulo de 17 de julho passado traz um dado interessante: Em alguns pontos da Bacia de Campos a Petrobras consegue produzir petróleo a um custo médio de US$ 7,60 por barril, bem abaixo da cotação internacional que é de US$ 46 o barril! Isto é uma prova da competência da Petrobras e de suas estratégias de gestão;
    10. A privatização da Petrobras implicaria no aumento do valor da gasolina no Brasil: você acha o preço da gasolina alto? Pois se a Petrobras for privatizada não há nenhuma garantia de que o seu valor diminuiria, e pior, este preço dependerá do “humor” das multinacionais e dos controladores (muitos estrangeiros) que assumiriam a Companhia, o que certamente acarretaria o AUMENTO (ao menos num primeiro momento) do valor do litro de gasolina;
    11. As multinacionais do petróleo só querem saber de vender gasolina nas grandes cidades brasileiras e enviar petróleo para os EUA e para a Europa: Os mais novos não sabem que a Petrobras foi criada simplesmente porque as empresas estrangeiras de petróleo não queriam aprimorar o desenvolvimento da produção e distribuição de gasolina e de outros derivados no interior do Brasil, fornecendo-os de uma forma melhor. Prova disso é que, até a década de 80, só se via postos da BR no interior dos estados (afinal as multinacionais queriam os postos das grandes cidades). A Petrobras, portanto, foi e continua sendo uma importante ferramenta de planejamento logístico, auxiliando na distribuição de recursos para o país como um todo, e é importante para o Brasil que continue assim.

 

 

Posted in CONSPIRA (atualidades) | Etiquetado: , , , , , , , , , , | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: